terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Salada de broto de feijão, repolho roxo e coentro

Salada de broto de feijão, repolho roxo e coentro


Sobre as grandes e pequenas descobertas.

Tudo seria bem mais interessante se aprendêssemos a observar as diferenças e viver no mundo "fora da caixinha". Não há só um caminho, ou uma só verdade, ou só uma filosofia de vida, ou o "certo e o errado" segundo os valores bem pessoais de cada um.

Logo cedo fiz uma grande descoberta em relação à alimentação da minha filha e que fez toda a diferença dali por diante: ela comia todos os vegetais, porém gostava deles sem cozimento. Só hoje, já jovem, é que ela tem se interessado por preparos além do Reino Vegetal em modo cru.

sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

Terrine de figos (muito fácil)

Terrine de figos


Muitas vezes já falei que o Caldeirão é a vida real da minha cozinha. Tudo o que vem parar aqui para ser compartilhado, passou por um "test-drive" de pessoas bem sinceras e um tanto (ao passar do tempo) exigentes.

De certa maneira, procuro não fazer um blog de um só tipo de receitas. Sim, as salgadas são vegetarianas, fato, mas de um modo geral, o intuito desse blog é compartilhar receitas que todas as pessoas consigam fazer. Têm umas mais trabalhosas, ou que requerem um pouquinho mais de treino na cozinha, mas também têm aquelas ultra fáceis, para quem está começando a se aventurar na arte de saber preparar pratos gostosos que cada vez mais vão lhe encorajar a ir além.

quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Salada de pepino, abobrinha, tomate uva, iogurte e hortelã

Salada de pepino, abobrinha, tomate uva, iogurte e hortelã


Às vezes me pego pensando se já nascemos com gostos próprios ou se, à semelhança de outras coisas, vamos aprendendo a ampliar nosso repertório sensorial a partir de fatores culturais, regionais, e por aí vai.

Não lembro exatamente como passei a amar algumas dessas combinações: café com leite, pão com manteiga - e principalmente a junção dessas duas duplas. Tomate com manjericão, chocolate com doce de leite, chocolate com coco, enfim, esses são alguns exemplos de que para mim "a união faz a força".

sexta-feira, 16 de janeiro de 2015

Rocambole marmorizado

Rocambole marmorizado



Como um pequeno detalhe pode fazer tanta diferença!

Sem querer (e nem saber), liguei a TV em um horário que não costumo assistir e voilá, estava apresentando Mr. Jamie Oliver em um de seus programas antigos. A sua proposta era recriar sobremesas clássicas inglesas e então começou a fazer um doce parecido com um rocambole. Foi aí que na mesma hora surgiu para mim aquela pergunta "por que não havia pensado nisso antes". 

quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Clafoutis de abobrinha e queijo

Clafoutis de abobrinha e queijo


Peço a você, querido amigo leitor, que não se intimide pelo nome aparentemente pomposo. Essa receita é daquelas bem fáceis e que agrada todo mundo.

Clafoutis é um meio termo entre uma omelete e um suflê, com a vantagem de não levar farinha de trigo ou manteiga, o que o deixa mais leve. Será que também não poderia ser chamado de uma torta sem massa? Acho que sim, na verdade, o nome é o que menos conta.

segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

Salada de 7 grãos para o Verão

Salada de 7 grãos


Queridos leitores, antes de mais nada gostaria de desculpar-me por minha ausência das postagens. Precisei reorganizar alguns assuntos pendentes para assim poder começar 2015 com a vida mais em ordem (ou quase isso).

Enfim, de volta! Não que nesse período eu não tenha cozinhado, pelo contrário. Para quem gosta de fato, descansar longe da cozinha pode até não ter tanta graça assim.

Fiquei pensando no que gostaria de dizer sobre esse início de ano, nesse novo ciclo. Resolvi então compartilhar as minhas resoluções. Ano passado retomei atividades que para mim eram muito importantes. Isso foi um grande trunfo. 

Para esse ano, além da continuidade dessas, tentarei colocar em prática algo que de fato e intuitivamente já aprendi há muito, só que, por conveniência, apego, ansiedade, egoísmo, acabo não levando em consideração e aí, entra inevitavelmente o sofrimento.