03 janeiro 2014

Bolo de Papo de Anjo

Bolo de Papo de Anjo


A época não lembro com exatidão, mas foi um período entre o final dos anos 1970 e início dos 80. O açúcar União fazia a troca de cupons impressos em sua embalagens por livros de receitas desenvolvidas em sua cozinha experimental e também receitas enviadas por consumidores. Foram vários que minha mãe colecionou, ao menos uns 5 tipos diferentes.

Bom, nesse fim de ano minha irmã teve a ideia de fazer um bolo que há tempos minha mãe não fazia, o qual a receita vinha de um desses livros. Fomos lá procurar esse Bolo de Papo de Anjo e não encontramos - mas minha mãe jurava que a receita estava em um deles. Pode ter sido de um dos livros ou que estava tão guardado que não achamos ou até perdido em alguma mudança.

Da referência para fazer a pesquisa no Google só tínhamos uma informação que minha irmã lembrava, a quantidade de ovos - a qual você leitor poderá achar em demasia num primeiro momento mas garanto que o bolo é leve.

Mr. Google - como sempre um lord  muito generoso - localizou rapidamente a receita do tal bolo. Porém, um aparte aqui nessa estória. O site o qual ele me direcionou foi um daqueles agregadores que têm receitas enviadas por pessoas as quais não citam a fonte ou a origem das mesmas. Sequer havia foto do bolo. Então aqui, numa política de reciprocidade de intenções me reservo no total direito de não dizer também de onde foi, espero que compreendam minha atitude. Além disso, estou citando a fonte da receita original, o que é muito mais justo.

Voltando à receita: esse bolo é muito, mas muito gostoso e nem é muito doce, acredite. Não leva farinha, oferecendo mais uma opção para as pessoas com intolerância à glúten e o fato de ser um bolo gelado combina perfeitamente com essa época do ano. 

Mais uma receita que fez parte de épocas da vida que o fato de reproduzir agora não decepcionou, pelo contrário. Tenho certeza que quem provou no nosso Réveillon também aprovou. 


Bolo de Papo de Anjo

Bolo de Papo de Anjo
(fôrma de 25 cm de diâmetro)

Ingredientes
>bolo nozes
9 ovos (claras e gemas separadas)
1 pitada de sal
180 g de açúcar peneirado
180 g de nozes moídas (pode fazer esse procedimento batendo as nozes no processador ou liquidificador)
>papo de anjo
12 gemas
>calda
300 g de açúcar
3 xícaras (chá) de água
1/2 xícara (chá) de conhaque - usei vinho do Porto
>recheio e cobertura
500 g de creme de leite fresco (35% de gordura)
3 colheres (sopa) de açúcar
(*) pode utilizar chantilly comprado pronto ou a mistura em pó para bater chantilly caso não encontre o creme de leite fresco


Bolo de Papo de Anjo

Preparo
>bolo nozes
Preaqueça o forno a 180 graus. Unte com manteiga ou margarina e forre com papel manteiga 2 fôrmas redondas com 25 cm de diâmetro cada.
Bata as claras com a pitada de sal até o ponto de neve (picos firmes). Reserve.
Usando uma batedeira elétrica bata as gemas com o açúcar até obter uma espécie de gemada fofa. Acrescente as nozes moídas e bata atá combinar. Desligue a batedeira e acrescente as claras em neve delicadamente, incorporando ao restante da massa com movimentos de baixo para cima. Distribua essa massa em quantidades iguais pelas 2 fôrmas e leve para assar até ao espetar um palito no meio do bolo esse saia seco. Quando amornar, retire cuidadosamente das fôrmas puxando pelas sobras do papel. Remova o papel manteiga dos bolos.

>papo de anjo
Use a mesma fôrma do bolo de nozes. Unte e forre com papel manteiga.
Bata as gemas usando uma batedeira elétrica até que fiquem fofas e esbranquiçadas. Despeje na fôrma e leve para assar até firmar e ao espetar o palito no meio do bolo esse saia seco.
Remova da fôrma e retire o papel manteiga. 

>calda
Em uma panela de fundo grosso dissolva o açúcar na água. Leve ao fogo até reduzir ao ponto de fio (quando ao mergulhar uma colher na calda essa forme uma espécie de fio ralo). Apague o fogo e junte o conhaque (ou vinho do Porto).
Despeje metade dessa calda na fôrma que assou o papo de anjo. Coloque agora o papo de anjo e derrame sobre toda a superfície uniformemente o restante da calda. Reserve.

>chantilly
Bata o creme de leite com o açúcar até obter o ponto de picos firmes.

Montagem
Disponha sobre o prato que irá servir uma das massas do bolo de nozes. Passe uma camada de chantilly. Coloque o papo de anjo (sem o excesso da calda). Novamente passe uma camada de chantilly. Sobreponha a outra massa de nozes e finalize cobrindo as laterais do bolo e superfície com chantilly. Decore com nozes inteiras e se quiser, com fios de ovos. Leve à geladeira e mantenha até a hora de servir.

Bom apetite!


3 comentários :

  1. Que este novo tempo que acaba de ser dado como presente a todos nós seja portador de grandes caminhos, floridos, perfumados e cheios de realizações.
    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Estou a procura da torta dos anjos. Sempre quis fazer. Mas minha mãe não sabe do livro da união. Um que tem um Fran Verde na frente.

    ResponderExcluir

Sua visita e seu comentário são muito importantes para o Caldeirão. Comentários somente com intuito de fazer propaganda serão deletados.

Obrigada e volte sempre!