16 outubro 2019

Pão "pull apart" de maçã


Pão Pull Apart de maçã


Do tempo que ando sumida daqui, tenho tanto pra contar que nem caberia num post só. Muita coisa aconteceu nesses quase seis meses de ausência. 

A vida seguiu num ritmo doido. Teve o aniversário de 9 anos do blog que acabei comemorando só nos meus pensamentos e lembrança. Há um montão de receitas que estão numa fila de espera que a cada dia fica mais extensa e o maior acontecimento de todos, o segundo momento mais feliz da minha vida, que é tão importante que merece uma prosa só com ele. Coisa de que quando começo a pensar, choro sozinha de emoção.

Não há um só dia que não cozinhe, e hoje me dei conta que é muito difícil ter preguiça de preparar algo, seja lá o que for. Meu fogão continua produzindo a energia que impulsiona a minha vida, as portas da minha cozinha continuam sempre abertas a quem quiser entrar e minha mesa está sempre posta a quem queira trocar uma ideia, bater um papinho...

Alimento é um termo amplo, sempre digo. Uma das pessoas que mais entendiam que se satisfaz a vontade do corpo sutil através da comida de alma - Nina Horta, nossa principal cronista de gastronomia - partiu recentemente para o altíssimo, nós deixando aqui um pouco mais desalentados. Essa também merece um post especial, tamanha a minha admiração por ela.




E hoje é um dia de festa na blogosfera. Não poderia deixar de comparecer com uma receita para o World Bread Day, um evento que esse ano está na sua 14a. edição e é promovido pela Zorra, autora do blog Kotchtopf. Você encontrará várias receitas de pães  diferentes em diversos blogs de muitos países participantes. Acompanhe que é muito bacana!

Por que esse ano escolhi fazer esse pão "pull apart"? Bem, esse é um pão para puxar os pedacinhos com as mãos, não precisa o uso a faca para cortar. Achei tão simbólico porque paradoxalmente à tradução da expressão que em português seria algo como "separar", achei que era um ato, lógico, de dividir, mas de maneira que cada um tirasse o seu naco, um pedacinho para si e que esses, de certa maneira somassem um todo e que cada um usufruísse de uma parte. Espero que gostem e façam a receita. Certamente repetirei mais vezes.

Pão Pull Apart de maçã


Pão Pull Apart de maçã

Pão "pull apart" de maçã
(fôrma 28 x 12 cm ou equivalente)


Ingredientes
>pão 
3/4 xícara (chá) de leite morninho (não pode estar muito quente)
2 e 1/2 colheres (chá) de fermento biológico seco
1 ovo
2 colheres (sopa) de açúcar
50 g de manteiga derretida
3 xícaras (chá) de farinha de trigo

>recheio
40 g de manteiga amolecida (não é derretida)
1 maçã grande sem os caroços, cortada em 4 partes e fatiada na mandolina (cortador de legumes)
2/3 xícara (chá) de açúcar demerara ou mascavo
2 colheres (chá) de canela em pó

>cobertura
1 xícara (chá) de açúcar de confeiteiro
1 e 1/2  colher (sopa) de suco de limão ou leite (aproximadamente) - até dar o ponto de uma pastinha

Pão Pull Apart de maçã


Pão Pull Apart de maçã


Preparo
>pão
Em uma tigelinha misture o fermento com o leite e aguarde 10 minutos para ativar.
Coloque o ovo com o açúcar na tigela da batedeira planetária (usando a pá raquete) e bata até combinar. Sem parar de bater, junte a manteiga derretida e o leite misturado com o fermento. Adicione metade da quantidade da farinha e bata por uns 30 segundos. Troque a pá para o gancho de massa, raspe as laterais da tigela com uma espátula e bata por mais 2 minutos. Ainda batendo em velocidade média, vá adicionando o restante da farinha. Aumente a velocidade e deixe a massa batendo até virar uma bola e toda ela estiver desgrudado das laterais da tigela (isso deve acontecer em uns 10 minutos).

Nota: a sova pode ser feita à mão, enfarinhando levemente a bancada e trabalhando a massa por uns 20 minutos.

Siga o passo a passo das fotos:


Pão Pull Apart de maçã


_ faça uma bola com a massa e coloque-a em uma tigela levemente untada com óleo. Cubra com um filme plástico ou pano limpo e seco e deixe-a crescendo em lugar quente e sem vento até dobrar de volume
_ separe os ingredientes do recheio: a manteiga amolecida (temperatura ambiente ou ponto de pomada), o açúcar misturado com a canela e a maçã picada
_ enfarinhe bem a bancada e, usando um rolo, abra a massa até obter um retângulo de aproximadamente 54 x 42 cm - IMPORTANTE: a massa tem que ser aberta bem fininha 
_ pincele a manteiga por toda a superfície da massa, polvilhe com o açúcar com a canela e distribua os pedaços da maçã
_ corte a massa em 6 tiras de 7 x 54 cm (que é dividindo o menor lado do retângulo em 6 partes iguais)
_ empilhe essas tiras uma sobre a outra 
OBS.: nesse momento é importante ter alguém por perto para ajudar
_ corte essa pilha em 6 partes iguais
_ disponha esses pedaços na fôrma untada e enfarinhada (aconselho a forrar com papel manteiga para facilitar desenformar) de modo a deixar as partes do corte para cima. Pode colocar aleatoriamente mesmo
_ cubra com um pano e deixe crescer por mais meia hora. Faltando 10 minutos para finalizar esse tempo, preaqueça o forno a 180 graus Celsius
_ leve o pão para assar até a superfície ficar dourada e, ao dar uma batidinhas nele, emitir um som oco
_ retire do forno e aguarde 15 minutos para desenformar, depois deixe-o esfriando sobre uma gradinha


Pão Pull Apart de maçã

Depois de quase frio, despeje a cobertura sobre ele. Delicie-se!




8 comentários :

  1. Nem preciso dizer que fiquei aqui lambendo os beiços, né? Que delícia de pão, Sandra... parabéns pelo post! Bjuss!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi querida amiga padeira, muito obrigada! Beijos

      Excluir
  2. Sandra,
    Sou fã desse pão. Só com canela já acho irresistível, mas, com maçã, tenho certeza que só intensifica o sabor.
    Que bom ter você conosco a cada ano, irmanadas pelo mesmo objetivo.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gina querida, fazia tempo não postava no blog, mas essa ocasião é muito importante pra nós todas. Realmente esse sensação de pertencimento a uma união que o pão propicia

      Excluir
  3. Sandrinha, que saudade! Anda sumida mesmo.
    Adorei essa receita (amo pão doce com maçã). Obrigada por compartilhar a receita.
    Beijão

    ResponderExcluir
  4. Lu, também estou com saudade! Precisamos nos ver

    ResponderExcluir
  5. Que pão lindo e sabooso, Sandra!
    Esse eu vou fazer questão de fazer.
    Já vou colocar lá na minha postagem onde estou listando as participações do Brasil!
    É muito bom vê-la por aqui novamente.
    Bj,
    Lylia

    ResponderExcluir
  6. Boa escolha! O seu pão parece delicioso. Obrigado por participar no Dia Mundial do Pão.

    ResponderExcluir

Sua visita e seu comentário são muito importantes para o Caldeirão. Comentários somente com intuito de fazer propaganda serão deletados.

Obrigada e volte sempre!